Email to

maravilhosodestino@gmail.com

09/01/2012

Como ficar doente logo pela manhã

Ver um Filho da P"#$ atropelar um cãozinho à porta de casa, porque não se desviou e podia ( sendo que um autocarro, sim um autocarro, se desviou do bicho minutos antes) e continuar com o carro como se não fosse nada.
Não aguentar ver o bicho no meio da rua e ir lá busca-lo e ele dar os últimos suspiros nos nossos braços ao pousa-lo para ver como ele estava.
Isto aconteceu na sexta-feira. Espero bem que o azeiteiro que fez isso tenha furado um pneu no regresso a casa nesse dia, numa rua escura que atravessasse um pinhal. Que ao sair para mudar o pneu não tivesse macaco. Que tenha ficado sem saldo no telemóvel, depois sem bateria. Que tenha aparecido um gaijo gigante 2 metros numa carrinha de gelados ( ohh pá não perguntem aquela musiquinha do Family Frost é muito creepy) que se tenha oferecido para emprestar o macaco com a condição de o sodomizar primeiro com ele.
Espero bem Karma, no mínimo ok?

6 comentários:

Julio Afonso disse...

Bem, ia sugerir a ultima linha, mas nao tinha nada a ver com carrinha de gelados, mas sim, quando o cabrão fosse arrear o calhau a mata, lhe entrasse um rato pelas bordas acima.

JC disse...

E que o Karma não se esqueça e se aproxime dele, devagar, sem esperar e que, tal como ele fez ao cão, o espezinhe, mas não o mate e o deixe a sofrer... Mas que ao contrário do cão, não tenha uma mão carinhosa nem um sentimento profundo que sinta pela sua alma e vida, como este cão teve, com a "sorte" de te ter ali no último suspiro. Há gente que não vale o ar que respira.

BB disse...

até custa ler estas coisas.

redordead disse...

as coisas improprias q ja dediquei a essa besta!

Pintas disse...

Amigos, eu acredito MESMO no Karma e que ele irá ter oque merece.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.