Email to

maravilhosodestino@gmail.com

28/10/2011

Medida para combater a crise

Taxar a burrice. É que se ser burro pagasse imposto tínhamos contribuição suficiente para acabar com todas as medidas de austeridade. Dasseee...não ando com paciência nenhuma para gente burra. Então gente burra que acha que sabe ainda pior.

27/10/2011

Words I miss listening

Love
Mate
Mornig...(e não good morning)
Have a good one
Thanks e não (thank you)
Pint
Crumble
Cheers
Sainsburrys
Tesco
Ring Road
Roundabout
Market Place
Deansgate
Mancunian
Kro
Arndale
Picadilly
Nando's

(suspiro)

26/10/2011

Maravilhoso mundo da Loja P

Não é Red?

Sempre que vou à Primark em Portugal fico nostálgica. Não fosse ouvir de vez em quando "ó filha num queres xprimentar esta suéte?" ou não ver miudas com saias dos uniformes dobradas até ficarem super minis com eyeliner até às orelhas achava mesmo que estava em Inglaterra.
Ai que saudades.....
Se estou bem fico contente e dou uma volta entretida..
Tem dias que fico super nostágica e saio pela porta. Então vindo o Natal é que vai ser. Não há lojas, nem decorações, nem musica constante como naquele país.

21/10/2011

19/10/2011

Histórias de apita o comboio

Esta minha passagem ao uso de transportes públicos tem sido uma maravilha e como havia dito vai dar histórias aos pacotes já estou a ver.

8 da manhã estava eu na linha quatro em pé à espera do comboio. À minha frente um senhor nos seus cinquentas com o JN aberto e muito atento a ler, com a página quase colada aos olhos. Será o orçamento? Novas medidas de Bruxelas? Euribor? Saúde? ...Pronto, pronto...morreu alguém famoso? ...ok Talvez a Liga dos Campeões? Nop.
O homem mexe-se e aí eu vi - Era a página do relax, carregadinha de anúncios com fotos bem explicitas....ehehehh...

Pintas viu e Pintas evitou sentar-se perto dele. Podia ser mais discreto o senhor, ai minha gente que vontade de rir logo de manhã.

Será?

Ainda não acredito mas parece que tenho novidades no trabalho. Novidades bem boas e que me surpreenderam completamente. Parece que certas capacidades minhas foram admiradas e vistas como essenciais para uma função que ADORO

Ainda não estou bem em mim.

17/10/2011

Comboinho comboinho deixa-me passar.....

E como sou mulher de palavra vim mesmo de comboio. Posso dizer que A-MEI . Pormenores logo que possível. Para já um ponto muito positivo...observar as pessoas nos trasnsportes públicos é do melhro que há.

13/10/2011

E por umbiguismo

Digo pessoas que só se preocupam em saber porque saiu aquela pessoa...e "tchiii foi mandada embora porque estão a dispensar os contratados" sem pensarem que um colega na mesma situação está a partilhar a conversa. Otários.

Até porque...em relação ao post anterior

As coisas aqui pela empresa parece que estão a ficar pretas. É tudo a olhar para o seu umbiguinho em vez de se preocuparem com o bem maior e isso eu não consigo fazer.

Desconfio

...que um dia destes emigro outra vez.
É que quem trabalha para aquecer são os esquimós não? Arreeee..haja paciência~para mis custos.

Comboio ou carro?

Estou seriamente a pensar voltar a andar de comboio. Tenho tantas saudades dos tempos da Faculdade em que andava quilómetros a pé e só andava de transportes públicos. Não havia cá dinheiros para carrinho, nem nada que se parecesse e como tal andava sempre de comboio e autocarro. Na altura bem que me queixava, mas agora que conduzo tanto todas as semanas tenho tantas saudades desses tempos. Sempre tive muita ânsia de começar a trabalhar, ganhar o meu. A minha mãe costumava-me dizer "aproveita enquanto podes que um dia vais ter saudades deste tempo dos estudos". E realmente é uma grande verdade. Bem...voltando ao comboio. Tenho andado a considerar muito os prós e contras desta possibilidade, sendo que o maior pró é mesmo o custo. Estou um pouco cansada de trabalhar para gastos em gasóleo e portagens, já para não falar de desgaste de carro. Para além disso admito que uma coisa que antes me dava prazer - conduzir- agora me tira completamente do sério e que fico a ferver só de ver o carro à frente, passo-me dos carretos com outros condutores e insulto frequentemente manobras parvas.
Terei uma viagem de uma hora de comboio para ouvir música, ler, apreciar a paisagem, escrever. Andarei um pouco a pé, que será bom para o físico mas chato em tempos de chuva é certo.  Nada com o experimentar. Acho que vou fazê-lo na próxima semana e depois digo qualquer coisa.

11/10/2011

Let's look at the Trailler 3

Le premier jour du reste de ta vie

Voltamos ao cinema Francês que admiro cada vez mais. Este filme é de uma simplicidade tão bela que
nos toca quando entramos pela casa de uma família que bem podia ser a nossa. Confesso que me revi em algumas coisas. Lindo..adorei.

Realização: Rémi Bezançon

Intérpretes: Jacques Gamblin, Zabou Breitman, Déborah François, Marc-André Grondin, Pio Marmaï



10/10/2011

Karma?

Hoje a entrar na auto-estrada de manhã a caminho do trabalho uma menina num Mercedes não me deixou entrar (onde nem tem prioridade). Daquelas que vai metendo o "nariz" do carro e nem olha para o condutor do lado. Que está com aquele ar de mete nojo logo de manhã. Eu nem liguei mas pensei logo - depois dizem que as mulheres são umas cabras tomara com gaijas assim.


Seguimos viagem, a dita ia à minha frente e quando entramos na estrada principal ela dá pisca e mete-se logo na esquerda e acelera. Entretanto eu mantenho-me na direita e vejo os carros da esquerda todos a travarem e ela a espetar-se contra o carro da frente. O carro ficou mesmo tipo bolo na frente, fumo instantâneo e água a sair. Chamem-me má, mas eu não consegui deixar de pensar que aquilo era Karma.

Depois cheguei à empresa e dei por mim a pensar que atitude incorrecta, pensamento terrível, acção má terei eu feito para estar nesta posição de insatisfação constante. Será o karma também a fazer efeito?





06/10/2011

Steve Jobs

As invenções tecnológicas são mais que conhecidas. O que fez pela Apple também.
Eu gosto particularmente de ver os vídeos das suas presenças em conferencias, ou apresentações de produtos. Excelente orador, comunicador, líder e motivador de pessoas, de equipas, de uma empresa. Poucas pessoas são capazes de o fazer assim. Diz ele: "No big deal"..."O caraças"-  digo eu - e a capacidade de emocionar assim. Este discurso diz-me TANTO TANTO

04/10/2011

Dia da bicharada hoje....

Toda a minha vida quis ter um cão. Sempre os meus pais me disseram que não tínhamos vida para isso e que quando eu tivesse a minha casa poderia ter um. Para não ficar triste.
Ora, quando compramos a nossa primeira casa o meu maravilhoso marido concedeu-me o desejo. No dia dos meus anos recebi um postal, juntamente com um peluche igual ao futuro cão com a mensagem dos pais Labradores a dizer que o seu filho viria para minha casa mas que ainda era muito bebé e que eu tinha de esperar um pouquinho....Pronto fiquei histérica. Devo dizer que sou completamente apologista de não comprar animais e adoptar. Mas em Inglaterra são extremamente rigorosos quanto à adopção, chega a ser demais, querem saber das condições da casa, se temos mais animais para o caso de não conviverem bem com com os bichos e os horários de trabalho e mais tretas. Foi por esta ultima condição, trabalhávamos a tempo inteiro os dois que não conseguíamos ter um canito adoptado e tivemos de comprar.
Depois da surpresa, passado o tempo do "desmame" fui ver os cãezinhos escolher o meu. No meio de vários havia um mais eléctrico que não parava de se mexer e veio ter comigo dar umas dentaditas no meu sapato, que tinha um pequeno aplique de pele. Ohhhhh que fofura - pensei eu- gosta de mim. É este que eu quero! é este! - Claro que depois quando me comeu outros sapatos, portas, alcatifa, chão flutuante e afins eu quase que dei com a cabeça nas paredes. Mas agora ele está outro cão, super calmo, (graças a muitos passeios, sempre de manhã e ao fim da tarde, sobretudo pelo marido que é um amor) bem disposto e  pede colinho com a pata quando estou sentada no sofá e festinhas no pescoço. É um amor incondicional.

Chegou ao meu colo assim


Já grandinho ainda em terras de sua majestade

Agora está um "homem" e tudo o que quer é a companhia dos donos...mesmo de férias

03/10/2011